domingo, setembro 24, 2006

Dia único





Sei da distância
que me enche os olhos de bruma
e dos dias expectantes
lançados no tempo como as margens dum lago.
Sei da esperança
em cada regresso à casa do meu corpo
e da ternura
que tudo invade qual enchente de maré.
Sei de mim em ti
porque sabê-lo é o espelho da tua presença em mim
e do que em ti grita
no silêncio interminável das noites brancas.

Só não quero saber do amanhã
dos dias que correm na orla do tempo.
Seja hoje o dia único
se no meu corpo se fechar o arco dos teus braços!



Foto by M L

35 comentários:

frog disse...

"Só não quero saber do amanhã
dos dias que correm na orla do tempo.
Seja hoje o dia único
se no meu corpo se fechar o arco dos teus braços!"


Belissimo!....

Um beijo...

mac disse...

Há momentos que nós queremos eternos, parar o relógio, para prolongar esse momento mágico. Desaparece tudo: sons, fronteiras, limitações. Fica apenas aquele momento em que 2 corpos se encontram num abraço...

happiness...moreorless disse...

adoro a forma como associas as fotos aos textos, fica lindo!
eu tambem queria deixar de pensar no dia de amanhã e viver, finalmente, o "hoje". Enquanto estamos obssecados com o tempo, perdemos o presente e deixamos de viver o mais importante.

Adorei!

um beijinho

A Lei da Rolha disse...

Tu escreves muito bem! Adoro o que vejo sempre que te visito, essa foto lembra o tempo que faz neste momento na minha terra.

Juda disse...

Olá... fiquei aqui e não vou sem seixar cumprimentos, gostei.

Teresa Durães disse...

há momentos que eternizam

boa tarde!

herético disse...

poema de grande beleza! gostaria de saber escrever versos assim : "esperança em cada regresso á casa do meu corpo"; ou então "a ternura que tudo invade, qual enchente de maré..."

como não sei, cuido apenas do prazer de os desfrutar...

Teresa Durães disse...

(há quem não faças perguntas a si próprio, sim, até muita gente por sinal. São os que respondem "É a vida")

Boa noite

sónia disse...

"Sei de mim em ti
porque sabê-lo é o espelho da tua presença em mim"...
...amar assim é...é...isso tudo ;) e aquilo também...

..gosto mt de nina simone - boa escolha!

Miudaaa disse...

Um abraço merecido.
Um abraço querido.
Um abraço sentido...mesmo que o momento, que o instante seja HOJE, que o seja forte como todas as palavras com que testemunhas o teu SENTIR... nobre.
1 beijo da miudaaa

pitanga disse...

"Tudo para quando a gente faz amor"
Roberto Carlos.

beijos

naoseiquenome usar disse...

"Seja hoje um dia único"!
Faz disto um hino!

Um beijo.

Vanda Baltazar disse...

Venho só agradecer-te e deixar-te um bombom:))

beijinho

Van

Louco de Lisboa disse...

Seja o presente intenso porque o amanhã nunca chega.

Kiss,até outro instante

FOTOESCRITA disse...

Muito belo este poema. Um prazer para a alma.

melgadoporto disse...

No comments! Ou...
Cada vez mais amar é um dia!
Que deve ser hoje!
Nunca adiado! Nem para amanhã, que ainda vem longe!
Amar é sentido sem tempo!
Amar é “o regresso a casa do nosso corpo”!
Pois amar é a única operação que torna 2 em 1...

Ana P. disse...

Quando exprimimos amor, é essa essência que lá colocamos..

Gostei..

beijos

PAULO SANTOS disse...

fabuloso o desejo de dias unicos... Façamo-los.....

Mil beijos quentes (não vitreos...)

Paulo

Vanda Baltazar disse...

Coincidencia.

:)

no meu o registo de um dia único.

:)

Dias únicos para momentos únicos.

Beijo

Van

kikas disse...

Não penses no amanha, pensa sim num hoje como se fosse o ultimo. Dia após dia faz a nossa historia, uma historia com segredos, contos e sonhos.

sotavento disse...

Mas é que tu escreves muito bem!... Já te tinha dito?!... :)

JPD disse...

Uma delícia
Bjs

zalinha disse...

Pois eu tb não,já me chega saber o hj,quanto mais o amanhã imagina que o amanhã não ia ser risonho?Perdia o de hj a pensar no de amanhã,assim curto um de cada vêz;) hehehe,lindo texto e as imagens captadas ,magnificas:)bjs e boa semana.

daniel sant'iago disse...

Delicioso... muito belo!

daniel sant'iago

Bia disse...

A imagem é linda o texto, como tudo o que escreves tem uma serenidade muito própria, que pela tua vida tenhas muito momento bons.
Gosto muito de te ler transmites aquela paz que eu tanto preciso. parabéns mesmo.

DIAFRAGMA disse...

E lindíssima escolha de foto, a lembrar o filme 2046.

Anónimo disse...

Muito bom...

Aqui fica o meu blog:

http://photo-a-trois.blogspot.com/

melgadoporto disse...

Fui muito magoado...por isto este dia é unico...atiro a toalha ao chão e descanso definitivamente.
Estas palavras têm destino e se aqui vier o saberá.
:)

o alquimista disse...

E eu que pensava que mais ninguém sentia como eu...engano! Tu és especial...!

Doce beijo

Dafne disse...

"Há dias assim"!

Um beijo,

Anónimo disse...

Clamas por um dia, um momento só, mas depois não vai aumentar o teu querer? Quando amamos, não conseguimos ficar só com aquele momento, sonhamos logo com o prolongar, com a continuação...
Voltei...
beijinhos

diabinho disse...

O anónimo sou eu.... sorry...

copa-rota disse...

Hoje...só uma música...porque o resto, já tu o disseste, Glasslife.

" Lonely Woman " - Charlie Haden


Um beijo de boa semana.


;-)

copa-rota disse...

Ah...só mais uma coisa:

A foto e o tema musical, são de extremo bom gosto.

Parabéns, glasslife ;-)

weg disse...

Um francamente Bom poema, caríssima.

Parabéns!

:)

Bj