quinta-feira, abril 12, 2007

O espectáculo continua



Óleo sobre tela de Júlia Calçada


Trazia a alma dorida nas pontas dos pés. Em cada músculo o sangue latejava, o coração batia, como se o único sentimento conhecido fosse o cansaço. Cada movimento, cada decisão rasgava o cetim, rasgava-lhe a pele. Queria parar ali, não ouvir nem mais um compasso da música e atirar para longe as sapatilhas, admitir que aquele espectáculo não era o seu.
Os acordes entraram-lhe no ouvido e tudo no seu corpo se rendeu, se submeteu. A dor retirou-se lá para bem fundo, para onde já nem a conseguia sentir. Ergueu-se no cetim sujo das sapatilhas de tantos momentos inesquecíveis e viu-as brilhar. Os pés seguiram a alma que dançava ao som da música envolvente, sedutora. Deixou-se ir, voou, viveu o momento daquela dança. O espectáculo tinha que continuar.




[Para responder ao desafio da Maria, que agradeço, sensibilizada]

28 comentários:

PintoRibeiro disse...

Lindo mas sem tempo eu.
Bjinho.

Sereia Azul* disse...

Que lindo texto! Confesso que me fascina a dança, sobretudo o ballet. Sente-se a poesia que se desprende dos seus movimentos e a a sensação de voar nos acordes da melodia.

Um abraço embalado de brisa marinha...

Sereia Azul*

M.P. disse...

Olá... Espero que a Páscoa tenha tido doces amêndoas! LINDOo texto para uma LINDA tela! Os dois em soberba parceria! Beijinhos muitos

M. disse...

Interessante a tua interpretação, bem manifesta na primeira frase e na última.

alice disse...

olá vida de vidro. agradeço o teu comentário ;) também participei neste bonito desafio da maria. mas não desta forma tão personalizada. gostei de ler e da edição que aqui publicas. um grande beijinho *

mac disse...

Sentimos sempre um fascínio pelas bailarinas, como conseguem se aguentar nas pontas dos pés, horas e horas a fio, e a voarem pelo ar qual pena...

Lubi disse...

Eu li e vi a tela se movendo num ritmo suave.

Beijo,

entre linhas disse...

Esta continuação de "história" em pela sintonia e com formas diferentes de interpretação é fantástica.

Bjs zita

Doces Momentos disse...

Belo muito belo.
Gostei muito.
Passei para te ler agradecer o carinho e deixar um beijo doce

naturalissima disse...

Sensibilizou-me este breve momento tão carregado de sentimentos!
Lugar este cheio de vida, de música, de movimento... Menina de corpo e alma dorida, menina de corpo e alma que mesmo assim consegue voar e vibrar ao som da melodia daquela vida...

Daniela

madrugada disse...

...e continuou;
a sua bela forma de escrita!

MARIA VALADAS disse...

Que linda narrativa!
O tema não podia ser melhor escolhido!

A tela,e o poema..complementam-se!

Beijinhos da

Maria

Pedra da Lau disse...

Até uma bailarina precisa de descansar, nem que seja um momento ao ser acariciada pelo chão.
Muito magico :)
Beijinho

Nilson Barcelli disse...

Não sei se danças (pelo texto, parece...), mas és uma bailarina das palavras, dada a harmonia, ritmo e outros predicados que muito bem exibes neste texto.
Bom fim-de-semana.
Beijos.

Cris disse...

Bonito texto. Lembra-me a batalha que todos os dias que temos travar quando acordamos....

Beijinhos e Bom Wk

Cris

PintoRibeiro disse...

Bom fim de semana, abraço,

efvilha disse...

A mim, sempre me pareceu ser a alma uma inquieta bailarina.

Um suave abraço de paz.

Francieli Rebelatto disse...

Qunatas vezes estamos assim no palco, no nosso limite seja ele físic, psicologico e então temos que ter força, arrancar energia de alguma lugar inesplicável para assim acabarmos mais uma vez o espetáculo da vida...

Afinal nosso espetáculo diário acorda, acontece e dorme com a gente e para isso temos de estar magistralmente maquiados, aquecidos e enfim dignos de subir ao palco...

Beijos e cuide-se, tenha um ótimo final de semana...

PintoRibeiro disse...

Bom dia, bjinho,

Nomundodalua disse...

muito magico...
:)
x*

o espetaculo continua..essa eh a verdade.. uhuh \o/

x*

herético disse...

a dança da vida... que por vezes deixa a alma dorida. mas que importa continuar o espectáculo. sempre. gostei muito deste teu passe de... escrita!

Opintas/Bernardo disse...

Bom fim de semana e um abraço.

Escorpiana Explosiva disse...

vim agradecer a visita.

Moinante disse...

Dito assim , até eu gosto de Ballet...
Gostei do entrosamento do texto e da foto .

Continuação de um bom fim de semana .

seilá disse...

gosto sempre :)
que é feito da família?

Frioleiras disse...

lindo...
lindíssimo,
tudo...

morpheus disse...

Uma boa tarde.

maria disse...

Sensibilizada fico eu, amiga Vida de Vidro, por teres acedido ao convite e o teres feito desta forma tão bela que é, de resto, a única que te conheço. Gosto tanto do que escreves! Mas tu sabes disso...

Um beijo grato e terno.