quinta-feira, abril 26, 2007

Duas estações para uma árvore




Era Inverno. Ou Outono rigoroso. Difícil se torna distinguir estações, em tempos de mudança. Nessa época, costumava olhar os braços nus da árvore que tremia ao ritmo do vento, esperando pacientemente que aquele frio desaparecesse. As árvores têm uma sabedoria própria e resistem, dobrando-se sem partir. Aquela parecia frágil, mas ainda assim acolhia os pássaros, em manhãs de sol, nos seus braços delgados e nus.
A Primavera vestiu-a de uma folhagem avermelhada que lhe aumentou a beleza. Perdeu o ar de espectro cinza em louvor da nova estação. E abriu as folhas para que se visse como a luz do sol lhe ficava bem. Imagem da felicidade, saberá ela que o Inverno volta breve?

30 comentários:

maria disse...

Vida de vidro,

Lindo, lindo. Tão ao teu jeito!

Um beijo.

Lmatta disse...

esta linda a tua foto
parabens menina
beijo

tufa tau disse...

sabe sim, sabe e prepara-se para ele... para não ser apanhada de surpresa.
beijo

tufa tau disse...

sabe sim, sabe e prepara-se para ele... para não ser apanhada de surpresa.
beijo

JPD disse...

OLá!

O que interessa é que agora o verde da copa podendo tornar-se frondoso, resplandecerá!

Bjs

Morgana disse...

Uma foto muito bela.Capta o esplendor da árvore a uma mesmo tempo a metamorfose da Natureza
Abraço
Marisa

madrugada disse...

Mais palavras para quê!?!

M. disse...

Senti um enorme bem-estar ao ler as tuas palavras, senti nelas muita ternura. É tão bom ouvir falar assim da natureza!

Opintas/Bernardo disse...

Bom fim de semana e um abraço.

naturalissima disse...

O equilibrio que deve sempre existir na Natureza, em nós.
Foi agradável ler-te...

Um bom fim de semana

Ninaowls disse...

eu penso que sabe...as árvores e os pássaros sabem melhor dos ciclos da natureza do que nós, tão inteligentes que somos!
Alice, até o inverno e as suas folhagens de fogo e os seus braços despidos trazem o alento da vida. Sobretudo às árvores, sabedoras da mãe terra. Kiss (muitas estações para ti)

Teresa David disse...

Que texto bonito e delicado! A árvore nas suas metamorfoses consoante as estações, assim como o ser humano nas mutações do corpo ao longo da vida.
Gostei muito
Bjs
TD

Entre linhas disse...

Bela conjugação de épocas espaciais,mas o verde da esperança surge em cada despontar de um Primavera como sinal de esperança.

Bom fim de semana
Bjs Zita

alice disse...

o post é lindíssimo. só tenho pena de não conseguir ouvir a música. bom fim de semana. um beijinho ;)

Nomundodalua disse...

ai que lindo..

"As árvores têm uma sabedoria própria e resistem, dobrando-se sem partir" nossa..e nós? falta-nos mais dessa sabedoria neh? falta-nos tantaa coisa..mas temos muito tbm! e isso fica claro quando lemos coisas desse tipo, de vidro!

x**

Jal disse...

Legal o seu blogue.
Lembra uma Vida de Vidro.

TAU TAU TUFA disse...

Bom fim de semana.
beijo

madrugada* disse...

Excelente post!...

Com certeza que se defenderá na chegada do inverno.

A.S. disse...

A sabedoria da natureza é incomparável!...

Um beijo e bom fim de semana!

melgadoporto disse...

As estações do ano são como os movimentos das nossas vidas.
Temos alturas que os ventos e as geadas nos fazem gelar a alma.
Temos alturas em que o calor e os chuviscos refrescam o nosso estar.
Embora não pareça, somos como as arvores. Simples e pura natureza.
Dobramos como elas e como elas resistimos e não nos deixamos “partir”.
Afinal neste simples acto de “resistência”, reside a sabedoria do nosso ser!
Por isto e tanto mais o Verão está aí e devemos gozá-lo.
O Outono que venha quando tiver que vir!
Pois é assim e com sabedoria o esperaremos...

Moinante disse...

A natureza e os seus ciclos , influenciam a vida e principalmente a alma ...
À porta está o Verão , que tanto ansiamos , Sol , praia , esplanadas , camas de rede , e umas tréguas nas artroses ...

Votos de um bom fim de semana .

Abraços .

PintoRibeiro disse...

Bom fim de semana, abraço.

sonia r. disse...

Bom fim de semana.

Anónimo disse...

O "problema" estará quando se juntar dois invernos..(para tudo há um "caminhar" com sabedoria..

Bom Domingo :-)

um abraço

intruso

Amaral disse...

"As árvores têm uma sabedoria própria..." - salta do teu texto, como veia de inspiração...
A Natureza não parece preocupada com ventos e sol, com invernos e outonos. Sabiamente, continua a sua marcha, dando à Vida a experiência de ser tudo, como uma roda que gira para todo o sempre...
Para que a Beleza seja simplesmente Sublime!

Hands of Time disse...

A foto diz tudo! Inverno e Primavera!;)

MARIA VALADAS disse...

A metamorfose da natureza no seu esplendor!
Bela captação das estações!

Bom Domingo

Beijinhos da

Maria

PintoRibeiro disse...

Bom domingo, com sol de preferência. Abraço.

A Lei da Rolha disse...

A mãe natureza não engana!
bjs

efvilha disse...

Olá, vida.

Seriam felizes, as árvores, por perderem-se entre as primaveras e outonos, distantes entre si, mas infalíveis.
Pobres seriam nossas almas que gozam, ou sofrem, todas as estações num mesmo dia.
Um beijo de paz.