quarta-feira, janeiro 10, 2007

Somos...





Porque foi nosso o instante
parado o tempo na beira do lençol
e a chuva se quedou expectante
do rio no meu peito.
Porque a tarde se reinventou
no raiar de límpidas madrugadas
e o dia azul de súbito caiu
em luz escura.
Porque sempre estás perto
nas horas cegas longas brancas
que palmilham o deserto
da noite à luz do sol.

Porque somos muito e nada
Porque somos pouco e tudo
Porque somos.


Foto by Katia Chausheva

40 comentários:

herético disse...

privilégio meu ser o primeiro a comentar tão vibrante e cálido poema. adorei. porque "somos muito e nada". aqui.agora...

hfm disse...

Gostei destes porques.

Pedro Branco disse...

Chorei.

Isabel disse...

Não te sei responder.






Ainda bem que não.


Sei que sim
Que somos muito e nada

Sei que somos pouco
Duvido que sejamos tudo

Sei que somos

Porque não sei

Sei que iremos descobrindo

lembrando

esquecendo

duvidando

sendo simplesmente...

Até sempre.

Isabel

olhos cor do lago disse...

Somos sempre muito, mas muitas vezes não damos valor a nós próprios...

Beijinhos

mac disse...

Um maravilhoso jogo de palavras, para reler várias vezes.

FOTOESCRITA disse...

Ainda bem que somos. E ainda bem que nos ofereces palavras destas vindas do teu "somos". Reconhecemo-nos assim como seres humanos.

João JR disse...

Somos... apenas seres humanos desta passagem que se chama Vida, e que é tão bela, mas tão dificil ao mesmo tempo!
Enfim, há que sorrir e acreditar, sempre, n é?

Um grande beijo e obrigada pelas tuas palavras

sotavento disse...

Sendo assim, eu daqui leio "sois"!... :)))

Bandida disse...

Quando por aqui passo respiro sempre um azul diferente. e nas palavras vou tentando encontrar O sentido que se perde, se rebenta, se atira de encontro ao muro, se pode sentir.

Não sei se pq de vidro é a vida, se de cristal puro será...

Mas É!!!







B.
____________________________

Kristal disse...

Que lindo, comovente e verdadeiro, Vida !

Rui disse...

Porque fomos ontem,
Porque fomos hoje,
Porque somos.

JPD disse...

Excepcional!

(Vendo bem, do romantismo até agora, o que apenas terá mudado é a duração da expectativa criada com a paixão: agora, o instante; então, a eternidade.
Fora esse detalhe, prevalece o fulgor dos amantes e toda uma interminável emoção e sentimentos...Mas tudo isto interessará pouco a seguir a uma poema desses, bem entido. Quem me dera escrever poesia assim!)
:)

melgadoporto disse...

Instantes!
Poderão ter um espaço temporal?
Curtos, longos, imensamente longos!
Mais, poderão ter um sentir associado?
Docemente ou desenfreadamente curtos!
Deliciosamente ou inesperadamente longos!
Imensamente desejados e longos no sentir...!
Como gostava de hoje ser egoísta e dizer:
Porque somos muito
Porque somos tudo
Porque somos...
Bj´s

osangue disse...

Gostei. Bom dia e um abraço.

marta disse...

um beijo, porque gostei muito.

Presença disse...

Porque somos contudo...

Gostei do seu cantinho...

Um abraço

Maria Clarinda disse...

"...Porque somos muito e nada
Porque somos pouco e tudo
Porque somos."
Lindo!
Jhs

sónia disse...

... e "ser" é essencial a tudo o resto..... bom ano!

Miudaaa disse...

Gostooo muitooo de te ler.

Afinal o que somos nós senão muito e nada??? senão pouco e tudo???

somos, somos gente, que sonha, que luta, que chora, que ri, que quer, que deseja, SOMOS... tudo isto, tudo o que dizes e muitooo, muitooo mais.

Um beijo da miudaaa, só para ti

Anónimo disse...

Talvez a única "coisa" que tem sempre entrada, no meu mais recôndito e, que poderá mudar ou acrescentar algo..é a música..e, esta Tua música de fundo..por mil e uma razões, é divinal..
..ao ouvi-la, "porque somos", somos..somos infinitamente sempre..

um abraço
intruso

Unicus disse...

Gosto de me sentar aqui e soçobrar à beleza que imprimes às palavras.
Bjs

Amaral disse...

"Porque somos" resume o Tudo que se quer resumir...
Na tarde reinventada, no tempo parado, na luz escura, nas horas cegas, no muito e nada...

rouxinol de Bernardim disse...

Adorei esta linguagem... que faz sonhar, meditar e reflectir com ironia e sensualidade...
VOLTAREI PARA SABOREAR MELHOR...

Cris disse...

Somos poeira, terra e lama do chão e no entanto sonhamos com as estrelas. somos tudo e nada somos!


Um beijinho e Bom Wk

Cris

naturalissima disse...

Fiquei com um nó na garganta...

"Porque somos muito e nada
Porque somos pouco e tudo"

Um bom fim de semana
Daniela

diabinho disse...

Já sabes se és muito ou pouco?
Não te substimes, nem deixes que o façam contigo...

Bom fim de semana...

Beijinhos

Marie disse...

Estas palavras são muito mais do que palavras. São a espuma do sentir! Gostei imenso!!
:)

Bia disse...

Lindo, tal e qual como nos habituaste, uma "vida de vidro...",
porque somos o tudo e o nada dos momentos que passamos, mas tudo acontece apenas porque somos nós...
Um beijo e um bom fim de semana

Klatuu o embuçado disse...

Gostei do poema, e a foto assenta-lhe como uma coroa.

Dark kiss.

innername disse...

porque somos tudo e nada e ainda assim somos. porque o amor também é divagar sobre ele, planando com ou sem vertigens, pelas cores e sensações. porque gostamos de te ler e ouvir a musica que nos deixas e porque amanhã é sábado, um abraço (cada vez estás mais intimista, invasiva e não sei se isso é bom para ti, mas porque para nós vai sendo ;) )
abraço muiêr.

Kalinka disse...

Iniciou-se a contagem decrescente para o lançamento do livro:
«Que é o Amor?».

Colaborei com um texto da minha autoria , dedicado a todos que passaram na minha Vida e, que de alguma forma, deixaram momentos inesquecíveis; mas, principalmente a alguém muito especial que nasceu dia 7 de Fevereiro e que, por não pertencer ao Mundo dos vivos, guardo com muito Amor, na minha memória (minha Mãe).

Beijos e abraços.

BOM FIM DE SEMANA.

Nota: nem podes imaginar a Felicidade que sinto ao participar nesta obra, de forma tão insignificante ou, talvez não!!!

miruii disse...

Belo poema, bela a imagem.
(e que belo colo para um mosquito...!)

jawaa disse...

Bonito poema sentido.A imagem que o complementa é da tua autoria?
Parabéns!

osangue disse...

Bfsemana.

maria josé quintela disse...

porque somos???

A Lei da Rolha disse...

Simplesmente fantástico!
bjs

Seila disse...

porquê? pergunto. Porque, não me responde. E tantos porquês a pediram um porque.

as velas ardem ate ao fim disse...

porque somos o que somos nao deuxamos der bonitos; todos o podemos ser por fora mas por dentro é que está a dificuldade em se ser belo; não importa como somos mas sim aquilo que somos."

Rosa Brava disse...

"...Porque somos muito e nada
Porque somos pouco e tudo
Porque somos."

... e eu fico sem palavras. Gosto de te ler. Mas isso já sabes.

Beijinho ;)