sábado, dezembro 27, 2008

Cessaram os cânticos




Este é o tempo branco
Em que se calam os cânticos
Há uma doçura no horizonte
Em que a espera se arrasta

É um espaço, um salto
Um saber de distância calada
Sem um som um murmúrio
Que rasgue os muros verticais

Parados no limbo do tempo
Abrem-se os caminhos do silêncio
Entre alamedas de risos coloridos
Por onde ecoa o sentido das horas
                  que a luz do sol é lá fora.

21 comentários:

tulipa disse...

Haja a esperança que em 2009
Isso aconteça
São
As Esperanças
E os sonhos
Que nos fazem
Acreditar num Amanhã
Numa vida melhor, principalmente com Saúde.

É em forma de árvore de Natal, pinheirinho, que brinquei com as palavras, fazendo votos de um excelente 2009.

Peço desculpa de ter chegado já depois do Natal, mas tenho 2 pessoas muito queridas muito mal, hospitalizadas; se tiver paciência de ler o meu ultimo post "Estou triste" poderá perceber o meu espírito de momento, nada de Natais nem hipocrisias...

as velas ardem ate ao fim disse...

Um sorriso grandeeeeeeeeeeeee para ti!


um bjo

Paula Raposo disse...

Sempre belíssimas as tuas palavras!! Bom ano novo e muitos beijos meus.

Licínia Quitério disse...

Um tempo branco. De espera.

Que seja de esperança, para ti.

Um beijo.

hfm disse...

fico-me no som destes "caminhos de silêncio".

Violeta disse...

Bom dia
Penso que s eescutarmos bem os cânticos nunc acessam...
bjs

Violeta disse...

Bom dia
Penso que s eescutarmos bem os cânticos nunc acessam...
bjs

~pi disse...

caminhos de silêncio horas

escorrendo

dor-mências,




BEIJO






~

Entre "aspas" disse...

Por vezes nos caminhos do silêncio encontrámos as respostas de há muito esperadas.
Um Bom 2009,cheio de prosperidade,saúde e amor.
Bjs Zita

Mateso disse...

Um beijo grande e doce para ti em 2009 sempre.
Bj.

Twlwyth disse...

A luz do sol regenera o branco das horas.

Um beijo doce e um novo ano dourado.

heretico disse...

espera de vésperas. plenas...
belíssimo.

beijos

FERNANDA & POEMAS disse...

Querida Amiga, belíssimo poema...
... S U B L I M E ...
Um grande abraço de carinho e ternura,
Fernandinha

dona tela disse...

Que poesia tão bonita.
Boas entradas para si.

ลndreia disse...

Acho que este é o novo caminho... *

Véu de Maya disse...

belíssimo o poema, com a leveza lírica que caracteriza a tua poesia...estou pra te desejar Festas Felizes e UM ANO NOVO cheio de sonhos, de saúde, e de felicidade...E que o Amor e a Paz cresçam no coração do Mundo...uma bela utopia..que teimamos em desejar.

bjinho

Dana disse...

Ainda bem que encontrei esta poesia. Clara, limpa, branca, como sempre deve ser.

Fiquei fã. Voltarei.

Hands of Time disse...

Um bom ano de 2009!!!!!

maria disse...

Muito bonito!
Muita LUZ para 2009

Beijinho grande

mena m. disse...

Vou deixar-me embalar neste silêncio e acreditar que é possível a Paz!

Lindíssimo este teu poema!

Tudo de bom para 2009!
Beijinho

~*Frau Sant'Anna*~ disse...

Querida Maria Laura,
Que tudo seja o melhor possível em 2009!
grande abraço