quarta-feira, agosto 01, 2007

Os deuses da ilha




A ilha acorda-nos estendendo o braço de luz velada pela janela do quarto. Há sempre o canto dum pássaro louvando o sol ou um simples piar melancólico por entre a neblina. Os deuses da ilha são caprichosos. Choram e riem com a mesma facilidade, tornando os dias imprevisíveis. Irão desvendar os tesouros ocultos no corpo da terra ou escondê-los-ão na bruma? Não sabemos. Só podemos estar atentos aos sinais e aproveitar a sua boa disposição para subir o mais alto possível e ver… Tentar assimilar a beleza, tão intensa que chega a doer. Nesta viagem de emoções, o olhar que mais importa é o da alma. É com ela que vemos vales, montes, lagoas e o mar, o mar, o mar… É com ela que sentimos a morna humidade que nos envolve o corpo, caminhamos sobre as pedras negras vindas das profundezas escaldantes da terra e acabamos por adormecer de cansaço físico e emocional, escutando se o vento sopra no início da noite. Como se a ilha nos dissesse que nos espera no dia seguinte, com bruma ou claridade, com chuva ou sol. Até à despedida, que, queiram os deuses, será sempre até breve.



Foto: S. Miguel, Açores, algures no caminho...

33 comentários:

mac disse...

Sejas bem vinda...espero pela publicação das fotos no Flickr.

Menina do Rio disse...

Os deuses da ilha abençoarão os cânticos melancólicos que trespassam as brumas desvendando tesouros...

Beijos

Luisa disse...

Os deuses devem gostar das tuas palavras e das tuas imagens e ficarão agradecidos por nos mostrares um pouco deles.

JPD disse...

Belíssimo apontamento.

Um exemplo perfeito de como a insularidade não é constrangedora.

C Valente disse...

Bonita prosa, bonita foto do que imagino ser uma bonita ilha.
o cansaço tem de ser repartido
Saudações amigas

Nomundodalua disse...

ain que imagem linda..aconchegante!!
bem vinda de voltaa :D:D
a ilha ta te saudando tbm ne?? a todos nós, na verdade!
bom d+

namastê!!
e vlww ;)

un dress disse...

belo e emotivo olhar...

bela a viagem que partilhas...:)





beijO

Nin disse...

Um texto lindo... Apelativo!!
Muito obrigada por teres passado pelo meu blog... Gostava de "linkar-te", dás-me permissão??

Frioleiras disse...

Açores....
do mais lindo que existe no mundo (ainda o é?)

...há mts anos... fascinaram-me ... as ilhas...

Menina do Reggae® disse...

"Os deuses da ilha são caprichosos. Choram e riem com a mesma facilidade, tornando os dias imprevisíveis."

muito lindo.

Os deuses brincam com a gente.

mas no fim, acabam por gostar.

Obrigada pela visita.

Beijos

Au Revoir

bettips disse...

Estava algo começado para agradecer o envio amigo daquela imagem de "fogo"...Assim aqui venho, com um gosto incrível, uma emoção profunda, um abraço tão grande...por falares tão intimamente do que senti(mos). De S. Miguel ano passado ter ido, voltei contigo nos olhos vindos. Sei que é arrevesado, mas foi assim que senti dizer-te. Beijinho

Francieli Rebelatto disse...

Que os deuses estejam sewmpre lado a lado com teus passos e com jeito mágico que vês a vida!!! beijos e cuide-se..Renascer é isso que me lembra, é isso que resgato de tuas palavras para mim!!!

Secreta disse...

Gosto do que escreves , gosto das tuas imagens. Gosto!
:)

Carracinha linda! disse...

Desejo-te um bom regresso, agora que as férias acabaram. Se vais ter férias em Setembro, então estás com mais sorte que eu...férias agora só no fim de Outubro...parece que ainda falta tanto.

Os Açores devem ser realmente um sítio muito bonito para se conhecer. Espero um dia ter oportunidade de o fazer. A foto está linda.

Beijinhos

naturalissima disse...

Um lugar que muito gostaria de visitar!
Bom regresso Vida de Vidro! ;-)

carla granja disse...

olá! gostei muito do teu blog e do k acabei de lêr é tudo muito magico e bonito. eu tmb tenho um blog com poemas de minha autoria e se kiseres dá uma olhada.
http://paixoeseencantos.blogs.sapo.pt
bjo
carla granja

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Estas linhas são um passaporte à estadia nesse pedaço de terra rodeado por mar*********

Espero um dia lá ir com todos os deuses para receberem-me...

Gostei e voltarei em breve***

AMMedeiros disse...

Já tive o prazer... Sem dúvida, é assim tal qual é aqui descrito... Uma beleza selvagem e inebriante.

Um beijo

mixtu disse...

os deuses...
foram extraordinarios ao fazer á atlantida, hoje os açores...

abrazo europeu

maria josé quintela disse...

é verdade, a beleza da ilha chega a doer.

PintoRibeiro disse...

Bfsemana e um bjinho.

Anónimo disse...

podemos ser uma ilha cercada por todos os lados de poesia. assim tens sido. é como te percebo.
um abraço fraterno,
batista (filho: da mãe, do pai, do mar...)

:-)

herético disse...

"beleza, tão intensa que chega a doer...".

como a paisagem das tuas tuas palavras, iluminando este espaço.

brilhante.

Maria Clarinda disse...

E que saudades!!!! Obrigada pelas tuas palavras amigas.
Adorei a foto e as tuas palavras.
Jinhos grandes

Vladimir disse...

os deuses das ilhas são mesmo imprevisivéis, más é isso que dá um certo encanto a esses locais, e uma beleza muito especial....

Vity disse...

Ola...

A nossa relação com os lugares tambem pode ser muito intensa...

Tão intensa quanto esta que acabas de nos revelar...

Bom fim semana
Beijo
Vity

Sandokan disse...

Estava numa ilha deserta, chorando, quando o meu amor me chamou. Levantei-me, caminhei ao seu encontro e ouvi um grito:" A tua vida quotidiana é um rio em movimento, de consequências incalculáveis. Através da meditação penetra no segredo do INSTANTE".

Sempre contigo!

Blueshell disse...

maravilhei-me na leitura!
Obrigada!
BShell

Universos Virtuais disse...

Também o teu blogue é muitíssimo interessante... Está linkado no nosso directório!

Abraços!

A Lei da Rolha disse...

Uma coisa é certa, minha cara...os Deuses estão contigo!
Boas férias!
bjs

Entre linhas... disse...

Fiquei maravilhada com este momento de leitura e por coincidência sou açoreana !!
Bom fim de semana
Bjs Zita

Menina do Reggae® disse...

passa para um café.

beijos

nina Owls disse...

até pareces miquelense, na inquietude do texto. adoro s miguel.
Alô Fajã de Baixo, Feteiras, alô Ponta Delgada, alô Carlos, alô Xana. Alô Lagoa do Fogo, poçinho da beija, rabo de peixe, alô dragão, nordeste, furnas e os bem saúde. Foto divina. Tás inquieta ainda, mesmo sem aquele crepitar da terra nos pés e o enxofre no nariz? Kiss Alioe