quarta-feira, dezembro 06, 2006

O palácio




Certa noite, ele chegou com o rosto iluminado. Por onde teria andado? Já não fazia a si própria muitas perguntas, no cansaço daquela vida sem tecto. Pela rua se tinham encontrado e na rua viviam, se àquilo se podia chamar “viver”. Iam fazendo companhia um ao outro, tentando amenizar a dureza da fome, do frio, da incerteza do dia seguinte. Ela já não pedia mais nada, perdida toda a esperança que tinha tido, nalgum existir longínquo, vaga lembrança que escorraçava por tornar o “agora” ainda mais difícil.
Mas, naquela noite, ele sorria e até quis fazer amor. Há quanto tempo? No início, escondiam-se nos prédios em ruínas, nos vãos de escada desertos. Agora… o desejo tinha morrido nela e, pouco a pouco, ele desinteressara-se. Teria outras por aí… já isso não lhe importava.
Naquela noite, acumulou pedacinhos de felicidade, farrapos dos quais também já tinha desistido. Quis então saber porquê.

- Queres viver num palácio?

Riu-se. Aquele homem não tinha emenda, vivia perdido em sonhos. Mas ele pegou-lhe na mão e levou-a por um estranho caminho que, na noite de luar, lhe dava a impressão de abandonar o mundo real. Ouviu a voz dele.

- Chegámos. Vê!

O palácio ali estava. Abandonado, quase uma ruína. Mas belo. Podia imaginar jardins onde agora crescia a erva. Nas escadarias ladeadas de azulejos, viu-se princesa, como nos sonhos de outrora.
Ninguém por ali andava. Os companheiros da rua ali não entravam. Rindo e dançando ao som de uma orquestra imaginária, ela disse que sim. Viveriam ali. Enquanto fosse possível. Enquanto houvesse espaço para o sonho.

31 comentários:

sotavento disse...

Difícil de comentar, este teu texto!...

Por um lado, há o sonho - é um cavalo alado, que só alguns têm o ensejo de montar.
Por outro, há os sem abrigo - suas vidas são do mais duro que pode haver.

Talvez seja limitada mas não consigo sentir que não faz mal ser sem abrigo, desde que se tenha sonhos!...

No entanto compreendo que, a vida só vale a pena se se conseguir sonhar apesar de tudo!...

:)

(Não costumo escrever tanta palavrinha, quem diria?!...)

Nina disse...

adorei o comentario deste senhor que "estreou tua caixa"...poesia pura. Mas adorei ir atrás desse sonho feito pela tua imaginação. Essa música que tens aí andei há procura no youtube e nada, deliciosa mesmo. A foto um assmobro, apesar de se olhar para ela e ver indistinguiveis pontos negros, cinzentos e brancos. Também habitas palácios na memória? Depois dos escritos de chuva, trazes um palácio onde cabe o amor e a esperança. Beijo-te Alice e dou de frosques. Tenho bolo de chocolate no forno...se souberes onde posso ir buscar essa musica grita para o gmail. fui

Unicus disse...

Não consigo imaginar o mundo sem sonhos. Escreveste um texto lindissimo.

Z disse...

Pois eu tenho muita dificuldade em sonhar... Por isso me deslumbro com as pessoas que o fazem intensamente, é mesmo um fascínio... :)

Diana_G disse...

Os teus textos é que fazem sempre com que haja espaço para o sonho... *

Diana disse...

Os teus textos é que fazem sempre com que haja espaço para o sonho... *

Bandida disse...

"Pelo sonho é que vamos"


diz o poeta

...



beijo.
_______________________

Licínia Quitério disse...

A amargura da realidade. A doçura do sonho. O texto a falar da foto ou vice-versa.

Boniiito!!

copa-rota disse...

Um momento especial, com a magia própria de um sonho...

É isso mesmo, Glasslife!
São sonhos como este que alimentam a nossa vida.
Sempre que possível, aumenta esse espaço para os teus sonhos crescerem, livremente...sem barreiras.

Gostei de passar por aqui de novo...
Um grande bem-haja, para ti que sabes sonhar.

herético disse...

um conto de Natal antecipado. sem dúvida brilhatemente escrito. gostei muito.

Mnemosyne disse...

O teu texto é como um sonho... criado em estufa, cujo sentido transparece e a ternura nos aquece :)
Um beijo

Cris disse...

Uma pequena história deliciosa, e quem somos nós sem uns farrapinhos de fantasia e sonho nas nossas tristes e cinzentas vidas? Somos nós que as temos que colorir.

Lindo!

Um beijinho e bom Wk GRANDE
Cris

FOTOESCRITA disse...

Tão bonito! Próprio da delicadeza de Swarovski...

mac disse...

O sonho esbarra na realidade...no entanto os sem-abrigo, esses sem esperança, também têm o direito de sonhar.

Teresa Durães disse...

eu gostei e continuo a pensar que se pudesse ter experiências destas, nem hesitava!

boa tarde

SOL disse...

Sonharei sempre.
Fecharei os olhos nunca.
Ilumina-me até à morte.
Cegarei de amor por ti.
Ouve-me.

amadis / pintoribeiro disse...

Boa noite e um beijinho,

Nilson Barcelli disse...

A felicidade é relativa, isto é, aquilo que para uma pessoa normal nada representa, pode, para um pobre, ser um momento de felicidade extrema.
Mas, no fundo, todos nós temos as nossas pobrezas...
Gostei da tua história.
Beijos.

as velas ardem ate ao fim disse...

Amei vir aqui.Tb acumulei pedacinhos de felicidade
A musica é linda...o cd é realmente fantastico.

Muitos bjinhos

Bia disse...

Quando sonhamos e fazemos do sonho um modo de vida, os nossos olhos devem ficar diferentes e ver belos jardins onde não existem sequer flores, quer coisa mais maravilhosa? Loucura não! paixão pela vida sim!
beijinho e bom fim de semna!

saltimbanco disse...

Lindo!

Penso, espaço para o sonho há sempre. O que rareia é a capacidade de sonhar.

Se calhar estou errado mas é do vendaval, lá fora. do palácio.

:) beijo

{{coral}} disse...

Bom texto, gostei muito de ler...
talvez cheguemos a um lado sonhador!
Voltarei.

{{coral}}

Mel disse...

Vida de vidro? Amiga, eu custumo dizer que vivo dentro de um corpo de vidro ... "Íntimo despego", um dos meu últimode Post fala disto...
Os textos? Adorei passar por aqui... Vou voltar com mais tempo para os ler com a calma que me merecem.
Foi um prazer.
Bjs
Mel

amadis / pintoribeiro disse...

Abraço e bom fsemana.

A Lei da Rolha disse...

É fantástica a (e)história que nos contas, de duas pessoas sem-abrigo, vivendo de casa em casa abandonadas pelo tempo, mas onde eles entram, enche-se de luz e colorido, porque o amor é feito destas coisas...obrigado!
bfs

blugaridades disse...

Um bonito post. Muito interessante. Voltarei mais vezes.
Bom fim de semana.
Beijinhos

Alma da Terra disse...

Um ótimo fim de semana pra você
::::::::::::::::::::
Merlin

JPD disse...

Onirismo puro!

mfc disse...

Um dia o mundo há-de mudar... disso não tenho dúvida alguma!

Klatuu o embuçado disse...

Vim trazer-te uma musiquinha romântica...

LET'S PSYCHO!! :)

Psycho Charger, «Operation Psycho»,
Shot live at the «Las Vegas Rockaround»:
http://www.psychocharger.com/OpPsycho_Vid_FINAL.mov

agua quente disse...

hi