segunda-feira, outubro 02, 2006

A árvore e a borboleta





Para ti não serei árvore
não terás o meu tronco como apoio
nem as raízes que suportam tempestades.
Não encontrarás em mim a seiva
que desperta a força de viver.
Se me quiseres borboleta
dançarei à tua volta o meu voo de mil cores
poisarei em ti as asas com um frágil bater
efémero como tudo o que a terra não prende.
Serei talvez borboleta
que no desejo de em ti permanecer
se une ao solo e cresce
no caule ondulante de uma flor silvestre.



Foto by Lilya Corneli



[Volto na próxima 2ª feira. Um bom fim de semana prolongado ou apenas um bom feriado para todos.]

41 comentários:

Bia disse...

Uma forma de amar mais despreeendida? mais solta, mais livre? é amar na mesma mas sem amarras, é amar como todo o amar deveria ser.
Lindo! como tudo o que escreves de uma forma tão sublime consegues dizer coisas muito profundas.

as velas ardem ate ao fim disse...

Fizeste me chorar sua tonta...

Obrigada está lindissimo...amar devia ser isso mesmo...


bjos

weg disse...

Que lindo! E que leve deve ser sentir-se borboleta!

:)

Bjs

JPD disse...

Muito bem escrito.

efvilha disse...

Assim é, vida de vidro.
Nunca sejamos árvores, previsíveis até mesmo no seu balançar sob fúrias de tormentas.
Antes, sejamos o mais belo apelo ao rizoma das perenes metamorfoses.
Estas, sim, tecelãs de todos os fios sedosos das teias de todos os amores, dos eternos todos os amores, no falar deste meu fragmentado poema.

marta disse...

que surpresa encontrar Lhasa, e esta música em particular...Deverei dizer então: Gracias...
Um beijo

happiness...moreorless disse...

quando amamos nunca nos podemos tornar árvores seguras, amar é liberdade, é poder deixar a imaginação falar...

gostei muito mesmo*

Teresa Durães disse...

leve e conveniente ;)

não que às vezes não apeteça, claro. Mas assim só um pousa

Bom dia!

Isabel disse...

Dificilmente te saberei explicar como gostei... não o quanto... como!
Principalmente hoje que sinto tão fragil o bater das minhas asas...
Vim aqui porque li um comentário teu eu que dizias que gostavas de gatos... eu tambem, acho que não saberia viver sem um por perto.
Vim aqui e o que li provocou em mim um suspiro, e um sorriso.
Logo hoje que me doem asas de tanto voar...

Isabel

Cris disse...

Para ti não serei árvore
não terás o meu tronco como apoio
nem as raízes que suportam tempestades.
Não encontrarás em mim a seiva
que desperta a força de viver.

****************

Poderemos ser porto de abrigo, rocha ou tábua de salvação, mas apenas quando a situação assim o exige. Há que ser borboleta, sim, e mostrar a fragilidade, quando é da nossa força que dependem.

Lindo, Mtos bjos

Cris

Rita Contreiras disse...

Um amor delicado, sutil e livre. Aprenderemos a amr assim para que possamos ter a leveza para voar. Bjs.

melgadoporto disse...

Assim como outros sentimentos a vontade não se avalia nem pela sua robustez (arvore). nem tão pouco pela sua leveza de desejo (borboleta) ou de desprendimento (flor silvestre).
Nunca podemos esquecer que muitas vezes resistem às tempestades os que parecem mais frágeis.
A arvore com as suas raízes, por vezes demasiado profundas, não consegue resistir a tempestades, às quais a simples flor silvestre de caule ondulante escapa.
Costuma-se dizer que o Homem não se mede aos palmos. Pois a vontade também não.
O fundamental é saber o que queremos e a vontade que temos. Pois, então sim, tudo o resto é efémero.
:)
03/10/2006 – 17:45

*hoje decidi fazer um intervalo na travessia do deserto...

innername disse...

só na liberdade reside o amor...amor não é sufoco, não é ficar porque a isso se "está obrigado"...amar tudo nesse desprendimento, sem compromissos, amar todos sem que doa. E se doi a liberdade dos outros ou a sua ausência em nós, então está na hora de ser borboleta e abandonar casulos...dizias que gostavas moderadamente. E esta? http://www.finetune.com/album/279014 ...gostei da composição ;)sobre o amor.

A Lei da Rolha disse...

A borboleta dura pouco tempo...o amor é eterno...

Louco de Lisboa disse...

Serás o que desejares ser...

Até outro instante!

Luna disse...

Mas que lindo, que intenso, gostei muito
beijinhos

Leticia Gabian disse...

Amar o outro sem esquecer do amor por si mesma. É o amor nas asas da borboleta - leve na forma, mas intenso no conteúdo.
Beijo do Brasil

kikas disse...

Que sensualidade neste texto, está lindo, a ideia de uma borboleta a circundar alguem é linda.

avelana disse...

dançarei entao como borboleta a tua volta...

BlueShell disse...

Fiquei impressionada! Muito!

Um abraço desses que confortam a alma!
BShell.oºoºoºoºoºoºoºoºoºoºoºo

FOTOESCRITA disse...

Está lindíssimo!

sotavento disse...

Com que então, não mas sim?!... :)

M.P. disse...

LINDO! Sabe BEM passar por aqui e LER o que Sentes! Bejinhos muitos!

herético disse...

O leve bater de asas de uma borboleta em Tóquio, provoca uma tempestade em Nova Yorque.

Assim a vibração subtil do teu poema, a provocar ondas de emoção a quem o lê...

¦☆¦Jøhη¦☆¦ disse...

Boas tardes :)

Pois que sejas borboleta, não presa à terra, traça o teu voo à volta de quem te deseja.

Tem um bom fim de semana e um bom feriado :)

João

Anónimo disse...

Minha querida amiga, tenho andado desaparecida, mas é por uma boa causa.

Deixo-te beijinhos

frog disse...

A força do poema, contrasta com a fragilidade da borboleta...

Lindooooo.....


Beijos...

maria disse...

Lindíssimo...:)
Beijo

Licínia Quitério disse...

Bom fim de semana para ti, flor silvestre!

Lmatta disse...

Esta belo
gosto
beijos

copa-rota disse...

Um bom fim-de-semana prolongado, suave e mágico...como o palpitar de mil borboletas no coração.

Gostei deste momento, Glasslife!

Fica bem ;-)

Velutha disse...

Um poema muito bonito. A borboleta é linda!
Beijinhos

.*.Magia.*. disse...

Belo e muito original...
Deste-me um sorriso e deixo-te outro :)

Anónimo disse...

sao sempre belas as palavras que encontr por aki.
um...

´´´´´´ ¸.•“´..--^--..`“•.¸
´´´´´´)______Beijo______(
´´´´´´ `“•.¸.______.¸.•“´

PAULO SANTOS disse...

Obater de asa de uma borboleta....
O Fascinio...o Caos....
Doce paisagem em forma de poema que ofertas...
Um beijo e até breve!!!
Bom fim de semana!

Paulo

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

_____BOM__FIM DE__SEMANA!
_____LET__THE__SUN__SHINE
______IN___YOUR___SMILE___
____8888888888888888888888
_____88888888888888888888
_______8888888888888888
_________888888888888
______________**
____####______**______####
___#######____**____#######
____#######___**___#######
_____######__**__######
________#####_**_#####
__________####**####
___________###**###
____________##**##
_____________#**#___________

karvoeiro disse...

gostei...

Diana disse...

:)

Kristal disse...

Vida, aqui no Brasil o feriado prolongado será na próxima semana.
Seu blog é sempre elegante e cheio de sensibilidade.
A música é maravilhosa também.

.*.Magia.*. disse...

Vim reler-te e deixar um beijinho!

amazing disse...

Hoje soube tão bem ver esta foto, ler o que escreveste e ouvir este som.

Obrigado.